terça-feira, 24 de fevereiro de 2009

26 semanas...

Na passada sexta-feira fomos fazer mais uma visita à Srª Drª… está tudo bem connosco, inclusive a glicemia, que por motivos familiares me preocupa sempre muito, estava baixinha tanto em jejum como 1h depois (o que vai completamente contra a quantidade de doces que ando a comer nos últimos tempos, mas isso não interessa nada!). Claro está que a Dna. Balança já não foi tão minha amiga e toca a somar mais 2,5 kg, o que me deixa “passada” porque pareço uma autentica baleia mas que, segundo a médica, “não foi muito mau, podia ser pior” Glup!!

Seguindo alguns dos vossos conselhos, e contribuindo para os quilos na balança, a je comeu chocolatinho antes da consulta na esperança de descobrirmos qualquer coisa…e a Drª descobriu, se bem que achamos que ela não quer assumir responsabilidades na informação que nos passa relativa ao sexo do nosso bebe… senão vejam, ela disse “Tão aqui a ver os grandes lábios? Não vejo aqui nada de rapaz! Mas também não vos vou dar a certeza!” Quer dizer….

Por isso nós assumimos que temos connosco a Ana Laura (até porque o avô que acerta sempre nestas coisas de barrigas também diz que vai ser uma menina), mal seja que estejamos todos enganados!

E pronto, esta é a nossa foto às 25 semanas, estamos grandes no mínimo…

PS: hoje reparei que os contadores aqui do lado já só têm 2 digitos... ai ai...

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

25 semanas...

Eu sei que tenho sido uma baldas…há imenso tempo que não trago aqui noticias mas garanto-vos que continuamos bem…

Sinto a minha barriga a crescer a “olhos vistos”! Ontem maior que há 2 dias, hoje maior que ontem! Não sei onde vamos parar assim, mas ok….

Começo a sentir-me mais cansada ao fim do dia e com dificuldades para fazer coisas tão básicas como calçar-me! Estar dobrada sobre a barriga a puxar meias e botas e a fazer força já não é tarefa fácil e demoro o triplo do tempo!

Da azia, que falei a ultima vez que aqui escrevi, praticamente passou! Assim forte foi mesmo só aquele dia. O que agora às vezes noto é quando acabo de comer que se começa a querer gerar aqui qualquer coisas mas com uma pastilha pára logo, por isso também é um dos pontos que não me posso queixar…

Já sinto o nosso bebé mexer imenso e quase todos os dias “presenteia” o pai com uns valentes pontapés também!

De resto, temos passado os dias descansados e sem stresses! Continuo a trabalhar tanto ou mais que antes e ao fim semana faço questão de pelo menos um dos dias ser dedicado a não fazer nadinha… e sabe-me tão bem!

Entretanto esta semana apercebi-me que já fazemos 25 semanas, que nos aconselharam a ter as malas feitas às 28 e que eu não tenho nada, nadinha mesmo para isso! Tenho 3 camisas de dormir que comprei nos saldos, 1 pacote de fraldas de recém-nascido e um de toalhetes… MAIS NADA!
E para quem não acredita nem roupa para o bebe temos uma vez que insiste em fazer-se de rogado a mostrar-nos o sexo! O quarto então esta ainda de “pantanas” com coisas nossas que temos de transferir para outras divisões…enfim…tudo por organizar!

Por isso os fins de semana de descanso estão a acabar e avizinham-se tempos de muito trabalho e despesa…mas depois vou-vos contando pormenores.

Na próxima sexta-feira vamos fazer mais uma visita à Drª e espreitar o T0, por isso peçam lá ao meu bebé que nos mostre qualquer coisinha…

Depois volto cá para vos contar se há novidades!
PS: entretanto venho-vos cá deixar uma foto nossa às 25 semanas...

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

Amor Declarado

Meus queridos, não me apetece falar de dados técnicos da gravidez nem sequer debater a incógnita que é o sexo do nosso bébé, no entanto tenho de vos segredar o que me vai na alma...



São para já as 23 semanas mais alucinantes da minha vida, a minha mente vive inundada de magia e de novas sensações...

Sempre sonhei o momento da paternidade como algo único, hoje não só confirmo esta ideia como finalmente percebo que a vida não pára de nos surpreender...

Falo em Paternidade já, porque desde o momento em que ouvi aquele coraçãozinho bater, embarquei na mais belas das viagens; a da Cegonha que me leva em classe excutiva rumo à maior das aventuras... ser PAI.

A pancada que levo no quotidiano atenua-se quando vejo a minha Mónica com aquela cara de mamã gorducha a segurar aquela imponente e linda barriga que contém a coisa mais valiosa da nossa vida...

As chatices do resto do Mundo perdem expressão quando o/a sinto mexer... (para que conste houve grande festa no T0 quando o grande Pedro Mantorras facturou!!)


Pergunto:

Que Amor é este que me anestesia de tudo o que é mau na vida???

Respondo:

É o Amor que todos os que são Pais sentem ou deveriam sentir!!!

Beijinhos a todos